Skip to content

Sobre 2013… e expectativas para 2014

28 de dezembro de 2013

Pois bem, bibliófilos e bibliófilas… aqui estou eu, de volta, antes do fim do ano, como prometido no Facebook! 🙂

Pouco tenho a dizer sobre 2013, e esse pouco diz, ao mesmo tempo, muito.

Foi o ano em que mais negligenciei meu blog e minhas leituras (embora eu tenha agido assim constantemente nos últimos tempos…!), disso não tenho dúvidas. Embora, dessa vez, eu tenha algumas justificativas para isso: 2013 foi, de longe, o ano mais difícil da minha vida. E também o mais loucamente fantástico e recheado de fatos inesperados.

Enfrentei o que  havia de mais difícil para enfrentar. Consegui algumas das coisas mais difíceis de se conseguir, tomei as rédeas da minha vida e poderia levá-la para onde quisesse, mas o único lugar para onde eu queria levá-la estava, eu pensava, de portas fechadas. E 2013, que começou aos pedaços, vai terminar, pra mim, loucamente feliz. Tudo isso me deixou, no mínimo, tonta, para se ter uma ideia.

E, ao contrário de muitas pessoas que têm na leitura uma fuga do mundo, algo que não consigo entender bem como se dá, eu me conecto muito mais fortemente com ele através da leitura, em nada importa se é realista ou de fantasia. Acredito que esse tenha sido um dos motivos pelo quais não li praticamente nada em 2013 (sim, acontece! rs).

Mas, além de ter terminado a terceira parte de O Senhor dos Anéis no comecinho do ano, fiz, porém, uma leitura que, não tenho medo de dizer, me valeu pelo ano inteiro: A História sem Fim, de Michael Ende. O momento que escolhi para ler esse clássico da fantasia alemã fez com que meu contato com a narrativa fosse tão intenso quanto poderia. Espero que tenham gostado da minha resenha (que na verdade deveria ter sido feita em forma de vídeo, mas ainda não cheguei no nível que espero de mim, paciência!) e que ela tenha ajudado a sinalizar que tem alguém aqui, disposto a continuar o blog e a amizade com todos e todas que me leem. ❤

Há quilos de livros novos que ainda não mostrei; alguns, inclusive, já lidos. Pensei em acabar com o blog e começar outro, mas não seria justo deixar pra trás tudo que eu registrei e compartilhei aqui, por isso, a ideia é continuar.

Um obrigada sem fim aos novos leitores que ganhei esse ano (apesar de tudo!), aos que continuam insistentemente vindo aqui apesar da ausência de posts, a quem me cobra por atualizações.

Eu acho que nunca se deve trocar um dia fantástico por uma leitura, por melhor que seja. Por isso, desejo a todo mundo um 2014 cheio de dias fantásticos… e de leituras fantásticas quando eles, por algum motivo, não acontecerem para vocês.

Um grande abraço, e até breve!

Anúncios
6 Comentários leave one →
  1. 16 de janeiro de 2014 12:11

    Oi, Jéssica. Sei que ainda dá tempo de te desejar um 2014 com dias fantásticos, pessoas fantásticas e livros fantásticos.

    beijo grande,

    • 21 de janeiro de 2014 19:38

      Obrigada pelo carinho, Maira!

      Não poderia te desejar nada muito diferente! ❤

      Beijo!

  2. 31 de dezembro de 2013 15:10

    Também acho que nunca se deve trocar um dia fantástico por um livro (mesmo que seja também fantástico), mas dá sempre pra apimentar os dias com esses companheiros incríveis. Te desejo um lindo 2014, Jéssica, apareça mais! Beijinho!

  3. 28 de dezembro de 2013 19:22

    Sou testemunha de tudo isso que você escreveu! Um ótimo 2014 a todos que fazem a própria sorte. Pode deixar que eu continuarei cobrando atualizações no Biblioluv! Beijo!

Seu comentário é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: